Pensamentos

Novembro 30 2009

 

 Você começa a agir e a vontade aparece. Essa é a descoberta científica mais importante no campo do desenvolvimento humano. Se uma dona de casa está com preguiça de arrumar a gaveta, quando ela começa a fazer esse serviço dá vontade de arrumar todo o armário. Ela arruma o armário e dá vontade de arrumar o quarto. Arruma o quarto e dá vontade de arrumar a casa, embora no início tivesse preguiça de arrumar a gaveta. Na vida também é assim: tem gente que passa a vida esperando ter vontade para fazer algo. Sabe qual é o segredo? Comece a fazer, que a vontade aparece. Se você for esperar a vontade aparecer, vai ficar parado a vida inteira. O agir e o sentir formam uma via de mão dupla, que tanto pode ir num sentido como no outro. Você pode começar a fazer alguma coisa e a vontade aparecer, ou pode ter vontade e então fazer alguma coisa. Mas se você ficar esperando a vida inteira, poderá passar uma vida em vão. Tem gente que passa a vida dizendo: "Um dia eu vou abrir uma empresa... " E nunca realiza o sonho. O segredo não é esperar para fazer: é fazer que a vontade aparece. Está sem vontade de fazer algo? Comece a fazer que a vontade aparece. William James estava certo - essa foi uma das descobertas mais importantes no desenvolvimento humano nos últimos 100 anos, porque graças a essa constatação você pode começar agora mesmo a fazer aquilo que nem está com vontade, mas que sabe ser importante. Pode ser até uma coisa pequena. Se a cada dia você melhora um pouquinho (hoje melhor do que ontem, pior do que amanhã), você vai melhorando cada vez mais. O dia em que parar de melhorar, meu amigo, está na hora de morrer, porque a vida é um aprendizado constante. Aprendemos sempre, a cada dia. Se você me disser que não tem mais nada para aprender, digo: está na hora de morrer.

publicado por pensamentoslucena às 11:38

Novembro 30 2009

 

SER GRAAAANDE É ...... aprender a ser cuidadoso... ... Saber ser elegante... ... Saber brincar sem magoar os outros... ... Saber aceitar as diferenças... ... Saber usar a sua grandeza em benefício de todos... ... Saber baixar-se para ver o melhor ângulo... ... não usar o tamanho para envergonhar os outros... ... Saber que o equilíbrio é importante... ... Saber amar o que é ainda maior... ... Saber divertir-se com amigos de todos os tamanhos... ... não se importar de ficar na sombra para que todos possam aparecer...

 

publicado por pensamentoslucena às 10:54

Novembro 30 2009

 

Aprenda a escutar a voz das coisas, dos fatos, e verás como tudo fala, como tudo se comunica contigo. Em cada indelicadeza, assassino um pouco aqueles que me amam. Em cada desatenção, não sou nem educado e nem cristão. Em cada olhar de desprezo, alguém termina magoado. Em cada gesto de impaciência, dou uma bofetada invisível nos que convivem comigo. Em cada perdão que eu negue, vai um pedaço do meu egoísmo. Em cada ressentimento, revelo meu amor-próprio ferido. Em cada palavra áspera que digo, perdi alguns pontos no céu. Em cada omissão que pratico, rasgo uma folha do evangelho. Em cada esmola que eu nego, um pobre se afasta mais triste. Em cada oração que não faço, eu peco. Em cada juízo maldoso, meu lado mesquinho se aflora. Em cada fofoca que faço, peco contra o silêncio. Em cada pranto que enxugo, torno alguém mais feliz! Em cada ato de fé, eu canto um hino à vida. Em cada sorriso que espalho, planto alguma esperança. Em cada espinho, que finco, machuco algum coração. Em cada espinho que arranco, alguém beijará minha mão. Em cada rosa que oferto, os anjos dizem: Amém! Somos todos, anjos com uma asa só. E só podemos voar quando "abraçados uns aos outros". Roque Schineider

publicado por pensamentoslucena às 10:50

Novembro 30 2009

 

Um senhor de idade foi morar com seu filho, nora e o netinho de quatro anos de idade. As mãos do velho eram trêmulas, sua visão embaçada e seus passos vacilantes. A família comia reunida à mesa. Mas, as mãos trêmulas e a visão falha do avô o atrapalhavam na hora de comer. Ervilhas rolavam de sua colher e caíam no chão. Quando pegava o copo, leite era derramado na toalha da mesa. O filho e a nora irritaram-se com a bagunça. - "Precisamos tomar uma providência com respeito ao papai", disse o filho. - "Já tivemos suficiente leite derramado, barulho de gente comendo com a boca aberta e comida pelo chão." Então, eles decidiram colocar uma pequena mesa num cantinho da cozinha. Ali, o avô comia sozinho enquanto o restante da família fazia as refeições à mesa, com satisfação. Desde que o velho quebrara um ou dois pratos, sua comida agora era servida numa tigela de madeira. Quando a família olhava para o avô sentado ali sozinho, às vezes ele tinha lágrimas em seus olhos. Mesmo assim, as únicas palavras que lhe diziam eram admoestações ásperas quando ele deixava um talher ou comida cair ao chão. O menino de 4 anos de idade assistia a tudo em silêncio. Uma noite, antes do jantar, o pai percebeu que o filho pequeno estava no chão, manuseando pedaços de madeira. Ele perguntou delicadamente à criança: "O que você está fazendo?" O menino respondeu docemente: - "Ah, estou fazendo uma tigela para você e mamãe comerem, quando eu crescer." O garoto de quatro anos de idade sorriu e voltou ao trabalho. Aquelas palavras tiveram um impacto tão grande nos pais que eles ficaram mudos. Então lágrimas começaram a escorrer de seus olhos. Embora ninguém tivesse falado nada, ambos sabiam o que precisava ser feito. Naquela noite o pai tomou o avô pelas mãos e gentilmente conduziu-o à mesa da família. Dali para frente e até o final de seus dias ele comeu todas as refeições com a família. E por alguma razão, o marido e a esposa não se importavam mais quando um garfo caía, leite era derramado ou a toalha da mesa sujava. De uma forma positiva, aprendi que não importa o que aconteça, ou quão ruim pareça o dia de hoje, a vida continua.

publicado por pensamentoslucena às 10:30

Novembro 30 2009

 

Quando depositamos, excessivamente, confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de nos decepcionarmos se torna muito grande. As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas e vontades, assim como não estamos aqui para satisfazer as delas. Nós, na verdade, podemos até beber do mesmo vinho, mas nunca na mesma taça. Temos que procurar nos bastar e reconhecer essa verdade... Nos bastar sempre e, quando procurarmos estar com alguém, devemos fazer isso, cientes de que estamos juntos porque amamos, gostamos, queremos e nos sentimos bem, e nunca por achar que precisamos daquela pessoa ao ponto de não conseguirmos viver sem ela, e jamais permitir que a outra pessoa desenvolva tal sentimento por nós. Somos individuais, querendo ou não. Devemos viver por nós, sempre buscando o propósito da nossa existência. Aprendamos com as cordas do violão, que são independentes, mas juntas, cada uma fazendo a sua parte, constroem as mais belas melodias. As pessoas se completam não por serem metades, mas por serem pessoas inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e... vida !!! POR ISSO, NUNCA SE ABANDONE.

publicado por pensamentoslucena às 09:49

Novembro 30 2009

 

Um conferencista falava sobre gerenciamento da tensão. Levantou um copo com água e perguntou à platéia: - Quanto vocês acham que pesa este copo d'água? .As respostas variaram entre 20 g e 500 g. O conferencista, então, comentou: - Não importa o peso absoluto. Depende de quanto tempo vou segurá-lo. Se o seguro por um minuto, tudo bem. Se o seguro durante um hora, terei dor no braço. Se o seguro durante um dia inteiro, você terá que chamar uma ambulância para mim. O peso é exatamente o mesmo, mas quanto mais tempo passo segurando-o, mais pesado vai ficando. - Se carregamos nossos pesos o tempo todo, mais cedo ou mais tarde não seremos mais capazes de continuar, pois a carga vai se tornando cada vez mais pesada. É preciso largar o copo e descansar um pouco antes de segurá-lo novamente. Temos que deixar a carga de lado, periodicamente. Isto alivia e nos torna capazes de continuar. Portanto, antes de você voltar para casa, deixe o peso do trabalho num canto. Não o carregue para casa. Você poderá recolhê-lo amanhã. A vida é curta, aproveite-a! Tenha um bom dia! Curta cada momento como se fosse o último .

publicado por pensamentoslucena às 09:47

Novembro 27 2009

 

CERTA VEZ UM JOVEM MARINHEIRO TEVE QUE SUBIR AO MASTRO DURANTE UMA TEMPESTADE.
AS ONDAS LEVANTAVAM O BARCO PARA ALTURAS ESTONTEANTES E LOGO EM SEGUIDA
JOGAVAM-NO PARA PROFUNDEZAS ABISMAIS

O JOVEM MARUJO COMEÇOU A SENTIR VERTIGEM E ESTAVA QUASE CAINDO O CAPITÃO GRITOU:
"MOÇO, OLHE PARA CIMA".

DE MANEIRA DECIDIDA, O MARINHEIRO DESVIOU O OLHAR SEU OLHAR DAS ONDAS AMEAÇADORAS
E OLHOU PARA CIMA. ELE CONSEGUIU SUBIR COM SEGURANÇA E EXECUTAR A SUA TAREFA

QUANDO OS DIAS DE TRIBULAÇÃO REVOLVEM A NOSSA VIDA, QUANDO AS TEMPESTADES DA VIDA
NOS CONFUNDEM, PERDEMOS O EQUILIBRIO E SOMOS AMEAÇADOS DE DESPENCAR.

ENTRETANTO SE DESVIAR-MOS NOSSO OLHAR DOS PERIGOS E OLHARMOS PARA O AJUDADOR,
SE BUSCARMOS A FACE DO SENHOR EM ORAÇÃO E AGARRAMOS A SUA PODEROSA MÃO, NOSSO
CORAÇÂO SE AQUIETARÁ, RECEBEREMOS FORÇA E PAZ PARA PODERMOS EXECUTAR AS NOSSAS
TAREFAS EM MEIO AS TEMPESTADES E FINALMENTE SEREMOS VITORIOSOS.

 

 

 

Autor desconhecido

publicado por pensamentoslucena às 11:25

Novembro 27 2009

 

 

De norte a sul, de leste a oeste, todo mundo quer ser feliz. Não é tarefa das mais fáceis. A princípio, bastaria ter saúde, dinheiro e amor, o que já é um pacote louvável, mas nossos desejos são ainda mais complexos. Não basta que a gente esteja sem febre: queremos, além de saúde, ser magérrimos, sarados, irresistíveis. Dinheiro? Não basta termos para pagar o aluguel, a comida e o cinema: queremos a piscina olímpica, a bolsa Louis Vitton e uma temporada num spa cinco estrelas. E quanto ao amor? Ah, o amor... não basta termos alguém com quem podemos conversar, dividir uma pizza e fazer sexo de vez em quando. Isso é pensar pequeno: queremos AMOR, todinho maiúsculo. Queremos estar visceralmente apaixonados, queremos ser surpreendidos por declarações e presentes inesperados, queremos jantar à luz de velas de segunda a domingo, queremos sexo selvagem e diário, queremos ser felizes assim e não de outro jeito. É o que dá ver tanta televisão. Simplesmente esquecemos de tentar ser felizes de uma forma mais realista. Por que só podemos ser felizes formando um par, e não como ímpares? Ter um parceiro constante não é sinônimo de felicidade, a não ser que seja a felicidade de estar correspondendo às expectativas da sociedade, mas isso é outro assunto. Você pode ser feliz solteiro, feliz com uns romances ocasionais, feliz com três parceiros, feliz sem nenhum. Não existe amor minúsculo, principalmente quando se trata de amor-próprio. Dinheiro é uma benção. Quem tem, precisa aproveitá-lo, gastá-lo, usufruí-lo. Não perder tempo juntando, juntando, juntando. Apenas o suficiente para se sentir seguro, mas não aprisionado. E se a gente tem pouco, é com este pouco que vai tentar segurar a onda, buscando coisas que saiam de graça, como um pouco de humor, um pouco de fé e um pouco de criatividade. Ser feliz de uma forma realista é fazer o possível e aceitar o improvável. Fazer exercícios sem almejar passarelas, trabalhar sem almejar o estrelato, amar sem almejar o eterno. Olhe para o relógio: hora de acordar. É importante pensar-se ao extremo, buscar lá dentro o que nos mobiliza, instiga e conduz, mas sem exigir-se desumanamente. A vida não é um game onde só quem testa seus limites é que leva o prêmio. Não sejamos vítimas ingênuas desta tal competitividade. Se a meta está alta demais, reduza-a. Se você não está de acordo com as regras, demita-se. Invente seu próprio jogo.

 

Martha Medeiros

 

publicado por pensamentoslucena às 11:17

Novembro 27 2009

 

Só Deus pode criar. mas você pode valorizar o que ele criou. Só Deus pode dar a fé, mas você pode dar o seu testemunho. Só Deus pode dar a paz, mas você pode semear a união. Só Deus pode dar a força, mas você pode apoiar quem desanimou. Só Deus pode infundir a esperança mas você pode restituir a esperança do irmão. Só Deus pode dar amor, mas você pode ensinar seu irmão a amar. Só Deus pode dar alegria, mas você pode indica-la aos outros. Só Deus é a luz, mas você pode faze-la brilhar no mundo. Só Deus é a vida, mas você pode dar aos outros alegria de viver. Só Deus pode fazer a semente do bem germinar, mas você pode planta-la no coração humano. Só Deus basta a si mesmo, Mas Ele preferiu contar com você!

publicado por pensamentoslucena às 10:57

Novembro 27 2009

 

Apaixone-se definitivamente pelo seu SONHO. O sonho de ninguém deve ser mais apaixonante que o seu. Apaixone-se por sua FAMÍLIA. Mesmo que ela não seja do jeito que você planejou, ainda assim, ela é a sua família. Apaixone-se pelo seu TALENTO. Mesmo que seu crítico insista para você escolher realizar outras coisas, mais “convenientes” Apaixone-se mais pela VIAGEM do que pela chegada a seu destino A primeira é garantida … Apaixone-se pelo seu CORPO. Mesmo que ele esteja fora de forma, pois de “qualquer forma” ele é a única casa que você realmente possui Desapaixone-se de seus medos… Eles minam sua alegria de viver. Apaixone-se pelas suas MEMÓRIAS mais deliciosas. Ninguém pode tirá-las de dentro de você e elas são excelentes fontes de inspiração em momentos de dor. Apaixone-se por aquelas BESTEIRAS SAUDÁVEIS que passam por sua mente entre um e outro momento de estresse. Elas ajudam a sobreviver! Apaixone-se pelo SOL, ele é fiel, gratuito, absolutamente disponível e dá prazer. Apaixone-se por ALGUÉM, não espere alguém se apaixonar antes por você, só por garantia e segurança. Apaixone-se pelo seu PROJETO DE VIDA acredite, não dá certo fazer isto a dois. Apaixone-se pela DANÇA DA VIDA que tá sempre em movimento dentro da gente, mas que, por defesas nós teimamos em algemar. Apaixone-se mais pelo SIGNIFICADO das coisas que você conquistar do que pelo seu valor material. Apaixone-se por suas IDÉIAS, mesmo que tenham dito que elas não serviam pra nada. Apaixone-se por seus PONTOS FORTES, mesmo que os pontos fracos insistam em ficar em alto relevo no seu cérebro. Apaixone-se pela IDÉIA de ser verdadeiramente FELIZ. Felicidade encontra-se de sobra nas prateleiras de seus recursos interiores. Apaixone-se pela música que você pode ser para alguém… Apaixone-se por SER HUMANO! Apaixone-se definitivamente por VOCÊ! APAIXONE-SE RÁPIDO! O PODER DE DECISÃO SÓ PERTENCE A VOCÊ! Lembre-se Sempre Que… Os dias de dificuldades, passarão…Passarão também os dias de amargura e solidão…As dores e as lágrimas passarão. As frustrações que nos fazem chorar…um dia passarão.A dor da perda do ser querido, passará.Ficará a saudade…Dias de tristeza…Dias de felicidade…São lições necessárias que passam,deixando no espírito imortal as experiências acumuladas. Se hoje, para nós, é um desses dias repletos de dor,paremos um instante.Elevemos o pensamento a Deus e busquemos a voz suave, amorosa do Pai a nos dizer carinhosamente: “Isso também passará…“ E guardemos a certeza, pelas próprias dificuldades já superadas, que não há mal nem dor que dure para sempre!!!

 

publicado por pensamentoslucena às 10:51

Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
16
20
21

22
28

29


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO

Error running style: Style code didn't finish running in a timely fashion. Possible causes: