Pensamentos

Março 19 2012

 

 

 

Ela perderia sua canção se fossem tiradas as pedras do seu caminho.

São os obstáculos que fazem suas águas prosseguirem.

Nenhuma rocha é capaz de deter a água. Ela tem sabedoria para contorná-la e seguir em frente, com a força da suavidade…

Nada é mais suave e nada é mais forte do que a água; caminha firme e lentamente, sabedora de que tem o mesmo destino do homem: seguir em frente!

Assim também é a nossa vida. Os obstáculos existem para nos fazer caminhar cada vez mais firmes, mais determinados.

Portanto, quando o sofrimento bater à sua porta, não lamente nem se inquiete, seja apenas testemunha da dor.

Sinta-se um privilegiado porque é das batalhas que surge a alma.

Diante de qualquer problema que lhe pareça sem solução, tome uma atitude inteligente a seu favor: respire…

Seja flexível como as flores, como as borboletas…

Experimente todos os perfumes.

Estenda a mão, ofereça a sua compreensão, o seu amor.

Viemos a este planeta para aprender a amar. Apenas isso.

Então ame! Ame sempre!

Só o amor realiza a mágica de se multiplicar quando é dividido.

publicado por pensamentoslucena às 12:46

Março 19 2012

 

 

Aquele que conhece os outros é sábio.
Aquele que conhece a si mesmo é iluminado.

Aquele que vence os outros é forte.
Aquele que vence a si mesmo é poderoso.

Aquele que conhece a alegria é rico.
Aquele que conserva o seu caminho tem vontade.

Seja humilde, e permanecerás íntegro.
Curva-te, e permanecerás ereto.

Esvazia-te, e permanecerás repleto.
Gasta-te, e permanecerás novo."

O sábio não se exibe, e por isso brilha.
O sábio não se faz notar, e por isso é notado.

O sábio não se elogia, e por isso tem mérito.
E, porque não está competindo, ninguém no mundo pode competir com ele.

 

publicado por pensamentoslucena às 12:07
Tags:

Março 19 2012

 

 

 

Se você abre uma porta, você pode ou não entrar em uma nova sala.
Você pode não entrar e ficar observando vida.
Mas se você vence a dúvida, o medo e entra, você dá um grande passo: nesta sala vive-se.  Mas, também, tem um preço ...

São inúmeras outras portas que você descobre.
Às vezes, quebra-se a cara, às vezes curte-se mil e uma.

O grande segredo é saber quando e qual a
porta que se deve ser aberta.

A vida não é rigorosa. Ela propicia erros e acertos.

Os erros podem ser transformados em acertos quando
com eles se aprende.

Não existe a segurança do acerto eterno.

A vida é generosa.

A cada sala que se vive, descobrem-se tantas outras portas!

E a vida enriquece quem arrisca a abrir novas portas.

Ela privilegia quem descobre seus segredos e generosamente
oferece afortunadas portas.

Mas a vida também pode ser dura e severa.

Se você não ultrapassar a porta, você terá sempre a
mesma porta pela frente.

É a repetição perante a criação, é a monotonia monocromática

perante a multiplicidade das cores, é a estagnação da vida ..

Para a vida... as portas não são obstáculos,
mas diferentes passagens ...

 

( Içami Tiba )

publicado por pensamentoslucena às 11:37
Tags:

Março 19 2012

 

 

Lembremos que melhor vivem:

os fortes de espírito...
os audazes em busca do melhor...
os agressivos no labor do cotidiano...
os orientados no sentido do bem...
os que planejam...
os que sabem o que querem...
os que não ficam inertes...
os que tentam, tentam e ainda uma vez mais tentam...
os de bons princípios...
os que ajudam sempre...
os que procuram ser justos...
os que respeitam os semelhantes...
os que amam seu próximo...
os que hoje se tornaram melhores do que ontem...

Finalmente, os que sabem que vieram para servir
e não para ser servidos !!!

 

Que Faremos, então ???

publicado por pensamentoslucena às 10:48

Março 19 2012

 

 

Para mim os homens caminham pela face da Terra em fila indiana, cada um carregando uma sacola na frente e outra atrás. Na sacola da frente, nós colocamos as nossas qualidades. Na sacola de trás guardamos os nossos defeitos.

Por isso, durante a jornada pela vida, mantemos os olhos fixos nas virtudes que possuímos, presas em nosso peito. Ao mesmo tempo, reparamos impiedosamente nas costas do companheiro que está adiante, todos os defeitos que ele possui.

E nos julgamos melhores que ele, sem perceber que a pessoa andando atrás de nós está pensando a mesma coisa a nosso respeito. Mude.. Ainda dá tempo. E não esqueça: dê um Sorriso...;-)

(Autor: Gilberto de Nucci)

publicado por pensamentoslucena às 10:45

Março 19 2012

 

 

 

 

O vestibulando chega correndo ao local da prova, mas o portão se fecha à sua frente. Ele senta e desaba.
 
Tanto esforço. Tanta preparação. Tanto estudo. Tudo perdido por um atraso mínimo de segundos.
 
O pedestre observa o sinal vermelho, mas decide atravessar correndo porque está atrasado para um compromisso.
 
Freada brusca. Susto. Talvez ferimentos graves. Tudo por questão de um segundo de precipitação.
 
 
Tempo é nossa oportunidade de realização, que devemos aproveitar com empenho.
 
A nossa incapacidade de planejar o tempo provoca a desarmonia e toda a série de contratempos.
 
O tempo pode ser comparado a uma moeda. Se tomarmos de uma porção de ouro e cunharmos uma moeda, poderemos lhe dar o valor de um real.
 
Este será o valor inscrito mas o valor verdadeiro será muito maior, representado pela quantidade do precioso metal que utilizamos.
 
As moedas do tempo têm uma cunhagem geral, que é igual para todos: um segundo, um mês, um ano, um século. Mas o valor real dependerá do material com que cunhamos o nosso tempo, isto é, o que fazemos dele. Para um correto aproveitamento desse tesouro que é o tempo, é preciso disciplina.
 
Para evitar correria, levantemos um pouco mais cedo. Preparemo-nos de forma mais rápida, sem tanta "enrolação".
 
Deixemos, desde a véspera, o que necessitaremos para sair, mais ou menos à mão, evitando desperdícios de minutos a procura disto ou daquilo.
 
Se sabemos que o trânsito, em determinados horários, está mais congestionado, disciplinemo-nos e nos programemos para sair um pouco antes, com folga.
 
Esses pequenos cuidados impedirão que percamos compromissos importantes, que tenhamos de ficar sempre criando desculpas para justificar os nossos atrasos, que tenhamos taquicardia por ansiedade ao ver o relógio dos segundos correr célere, demarcando os minutos e as horas.

publicado por pensamentoslucena às 10:11

Março 19 2012

 

 

Nossos olhos são seletivos, nós "focalizamos" o que queremos ver e deixamos de ver o restante. Escolha focalizar o lado melhor, mais bonito, mais vibrante das coisas, assim como um girassol escolhe sempre estar virado para o sol!

Você já reparou como é fácil ficar desanimado?
"Estou desanimado porque está chovendo, porque tenho uma conta para pagar, porque... porque..."

É claro que tem hora que a gente não está bem. Mas a nossa atitude deveria ser a de
uma antena que tenta, ao máximo possível, pegar o lado bom da vida. Na natureza, nós temos uma antena que é assim: O girassol.

O girassol se volta para onde o sol estiver. Mesmo que o sol esteja escondido atrás de uma nuvem. Nós temos de ser assim, aprender a realçar o que de bom recebemos.
Aprender a ampliar pequenos gestos positivos e transformá-los em grandes acontecimentos.

Temos de treinar para sermos girassol, que busca o sol, a vitalidade, a força, a beleza.
Por que só nos preparamos para as viagens, e não para a vida, que é uma viagem?
Apreciar o amor profundo que alguém em um determinado momento dirige a você.
Apreciar um sorriso luminoso de alegria de alguém que você gosta.
Apreciar uma palavra amiga, que vem soar reconfortante, reanimadora.
Apreciar a festividade, a alegria, a risada.
E quando estivéssemos voltando a ficar mal humorados, tristonhos, desanimados, revoltados, que pudéssemos nos lembrar de novo de sermos girassóis.
Selecione o melhor deste mundo, valorize tudo o que de bonito e bom que haja nele e retenha isto dentro de você.
É este o segredo de quem consegue manter um alto grau de vitalidade interna.

publicado por pensamentoslucena às 09:41
Tags:

Março 19 2012

 

 


 

 

O que chamamos de fácil  nada mais é do que aquilo que já conhecemos muito bem. E por que conhecemos bem? Porque já convivemos com aquilo diariamente.
Mas, se pensarmos bem, veremos que uma determinada coisa se tornou fácil depois de muito tempo de convivência com ela. Descobrimos, então, que fácil é aquilo que já fizemos repetidas vezes.   Ótimo!
Eu acabo de descobrir uma coisa muito importante: se fácil é aquilo que já repetimos várias vezes, daqui pra frente eu posso então transformar as coisas difíceis e impossíveis. Como?
• começando desde já a conviver com a possibilidade de
alcançá-las;
• começando desde já a praticá-las;
• começando desde já, e em pequenas doses, a fazer com que o impossível torne-se difícil. Mais adiante, fazendo o difícil tornar-se fácil. Sabemos que ver as coisas dessa maneira não é fácil... é até um pouco difícil, mas também impossível já não é mais, a partir do momento em que já descobrimos, pelo menos, qual é o caminho a seguir.
Se a vida vai ser algo fácil, difícil ou impossível, isso vai depender de nós mesmos. Aquilo que nem sequer tentamos será sempre impossível. Aquilo que começamos a tentar agora é difícil.
E aquilo que já fazemos há muito tempo tornou-se algo fácil

publicado por pensamentoslucena às 09:40

Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Março 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
17

18
24

25
30
31


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO