Pensamentos

Julho 10 2012

 

   A  vida é como...

...jogar uma bola na parede.

Se for jogada uma bola verde, ela voltará verde;
Se for jogada uma bola azul, ela voltará azul;
Se a bola for jogada fraca, ela voltará fraca.

Se a bola for jogada com força,
ela voltará com força:

Por isso, nunca  “jogue uma bola na vida,”
de forma que não esteja pronto para  recebê-la .

A vida não dá nem empresta;
Não se comove nem se apieda.

Tudo  quanto ela faz é Retribuir e transferir...
aquilo que nós lhe oferecemos.


Albert Einstein

publicado por pensamentoslucena às 13:25

Julho 10 2012

 

 

Nossa vida se desenrola numa série de encruzilhadas diante das quais  precisamos fazer opções. Aí é que aparece este impulso de autodeterminação  pessoal chamado liberdade. Nele pode estar toda a nossa grandeza, se  acertarmos, ou a nossa miséria, se errarmos.

Seus fracassos e decepções estão todos no passado. Eles nada têm a ver com o  que você deseja conquistar a partir de hoje. Só o homem que chegou ao ponto mais alto da árvore da vida é capaz de decidir.

Você começa cada dia como uma
folha em branco. Cada momento é uma  oportunidade de começar a transformar seus sonhos em realidade. O que já passou não importa mais. Sim, o passado trouxe você até aqui. Mas  agora seu caminho se divide em infinitas direções e você pode escolher qual  delas deve seguir.

Aprenda com o passado e deixe-o para trás. Desejar que tivesse sido diferente é  perda de tempo e energia.
Continuar convivendo com as limitações do passado é desperdiçar o enorme  potencial da sua vida. Seu passado não define quem você é ou o que você pode
conquistar. E quem decide isso é você.

"É mais fácil atirar pedras do que se defender delas."

publicado por pensamentoslucena às 13:17
Tags:

Julho 10 2012

 

 

Seria tão diferente se os sonhos de que a gente gosta não terminassem tão de repente...  Seria tão diferente se os bons momentos da vida durassem eternamente... 

Seria tão diferente se a gente de que a gente gosta gostasse um pouco da gente...  Seria tão diferente se quando a gente chorasse, fosse só de contente...  Seria tão diferente, se a gente que a gente ama sentisse o que a gente sente...  Mas... é tudo tão diferente...!

Os sonhos de que a gente gosta terminam tão de repente... Os bons momentos da vida não duram eternamente... A gente de que a gente gosta nem sempre gosta da gente... 

Das vezes que a gente chora, poucas vezes são de contente... E a gente que a gente ama não sente o mesmo que a gente...
Mas... poderia ser tão diferente...!  Dê-se uma chance de ser diferente...!
Tente, ouse, opte pela Felicidade e aí será diferente.  "Feliz aquele que acredita em seus Sonhos, pois só assim poderá realizar seus vôos plenamente..."

publicado por pensamentoslucena às 13:01

Julho 10 2012

 

 

O que julgamos ser óbvio; Quase nunca o é em verdade...

O que julgamos ser verdade; Quase nunca o é em absoluto...

O que julgamos ser absoluto; Quase nunca o é para sempre...

O que julgamos ser para sempre; Quase nunca vai além do amanhã...

O que julgamos ser até amanhã; Quase nunca  chega até lá de fato...

 

Quando julgamos, quase sempre o fazemos com nossos sentimentos e sem ter o conhecimento de todo o contexto, nos falta compreender o que seja a transitoriedade da vida, por isso, na grande maioria das vezes... erramos.

 

 

 

Autor: Sérgio Rossetto 

publicado por pensamentoslucena às 12:27

Julho 10 2012

 

 

Quando olho dentes-de-leão, eu vejo ervas daninhas invadindo meu quintal. Meus filhos vêem flores para mãe e sopram a penugem branca pensando em um desejo.

Quando olho um velho mendigo que me sorri, eu vejo uma pessoa suja que provavelmente quer dinheiro e eu me afasto. Meus filhos vêem alguém sorrir para eles e sorriem de volta.
Quando ouço uma música, eu gosto e sei que não sei cantar e não tenho ritmo, então me sento e escuto. Meus filhos sentem a batida e dançam. Cantam e se não sabem a letra, criam a sua própria.

Quando sinto um forte vento em meu rosto, me esforço contra ele. Sinto-o atrapalhando meu cabelo e empurrando-me para trás enquanto ando. Meus filhos fecham seus olhos, abrem seus braços e voam com ele, até que caiam a rir pela terra.
Quando rezo, eu digo Tu e Vós e conceda-me isto, dê-me aquilo. Meus filhos dizem, "Olá Deus! Agradeço por meus brinquedos e meus amigos. Por favor mantenha longe os maus sonhos hoje à noite. Eu ainda não quero ir para o céu. Eu sentiria falta de minha mãe e de meu pai."

Quando olho uma poça de lama eu dou a volta. Eu vejo sapatos enlameados e tapetes sujos. Meus filhos sentam-se nela. Vêem represas para construir, rios para cruzar e bichinhos para brincar.
Eu queria saber se nos foram dados os filhos para os ensinarmos ou para aprendermos.

Aprecie as pequenas coisas da vida, porque um dia você poderá olhar para trás e descobrir que eram grandes coisas grandes.

publicado por pensamentoslucena às 11:58

Julho 10 2012

 

 

 

Muitas vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas. Perdoe-as assim mesmo.
Se você é gentil, as pessoas podem acusá-la de egoísta, interesseiro.
Seja gentil assim mesmo.

Se você é um vencedor, terá alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros. Vença assim mesmo.
Se você  é honesto e franco, as pessoas podem enganá-lo. Seja honesto e franco assim mesmo.

O que você levou anos para construir, alguém pode destruir de uma hora para outra. Construa assim mesmo.
Se você tem paz e é feliz, as pessoas podem sentir inveja. Seja feliz assim mesmo.

O bem que você faz hoje pode  ser esquecido amanhã. Faça o bem assim mesmo.
Dê ao mundo o melhor de você, mas isso pode nunca ser bastante. Dê o melhor de você assim mesmo.

Veja você que, no final das contas, é entre Você e Deus. Nunca  foi entre  Você e as outras Pessoas. 

publicado por pensamentoslucena às 11:54

Julho 10 2012

 

 

Meu avô levou-me ao lago da fazenda, quando eu tinha mais ou menos sete anos, e me pediu para jogar uma pedra na água. Pediu-me para observar os círculos formados pela pedra e pelos seus respingos ao bater na água.

Então pediu que eu pensasse sobre mim mesmo como sendo aquela pedra,
- Você criará muitos respingos pela sua vida e as ondas que vêm destes respingos perturbarão a paz de todas as criaturas à sua volta. Ele disse.

E completou,
- Lembre-se de que você é o responsável pelo que você põe em seu círculo e este círculo tocará muitos outros círculos. Você precisará viver de tal forma que permita que o bem em seu círculo envie paz e bondade aos outros. O respingo que vem da raiva e do ciúme enviarão estes mesmos sentimentos aos outros círculos. Você é o responsável por ambos.

Foi a primeira vez que eu compreendi que cada pessoa cria interiormente a paz ou a discórdia que se espalhará pelo mundo. Nós não podemos criar paz se, por dentro, estamos cheios de conflitos, ódio, dúvidas e raiva. Irradiamos os sentimentos e os pensamentos, sejam ditos ou não.

Os respingos do que temos por dentro se espalha pelo mundo, criando beleza ou discórdia, combinados com todos os outros círculos de vida.


publicado por pensamentoslucena às 10:46

Julho 10 2012

 

 

O menino olhava a avó escrevendo uma carta.
A certa altura, perguntou:
- Você está escrevendo uma história que aconteceu conosco?... E por acaso, é uma história sobre mim?

A avó parou a carta, sorriu, e comentou com o neto.
- Estou escrevendo sobre você, é verdade. Entretanto, mais importante do que as palavras, é o lápis que estou usando. Gostaria que você fosse como ele, quando crescesse.

O menino olhou para o lápis, intrigado, e não viu nada de especial.
- Mas ele é igual a todos os lápis que vi em minha vida!
- Tudo depende do modo como você olha as coisas. Há cinco qualidades nele que, se você conseguir mantê-las, será sempre uma pessoa em paz com o mundo

- Primeira qualidade: você pode fazer grandes coisas, mas não deve esquecer nunca que existe uma Mão que guia seus passos. Esta mão nós chamamos de Deus e Ele deve sempre conduzi-lo em direção à Sua vontade.

- Segunda qualidade: de vez em quando eu preciso parar o que estou escrevendo, e usar o apontador. Isso faz com que o lápis sofra um pouco, mas no final, ele está mais afiado. Portanto, saiba suportar algumas dores, porque elas o farão ser uma pessoa melhor.

- Terceira qualidade: o lápis sempre permite que usemos uma borracha para apagar aquilo que estava errado. Entenda que corrigir uma coisa que fizemos não é necessariamente algo mau, mas algo importante para nos manter no caminho da justiça.

- Quarta qualidade: o que realmente importa no lápis não é a madeira ou sua forma exterior, mas o grafite que está dentro. Portanto, sempre cuide daquilo que acontece dentro de você.

- Finalmente, a quinta qualidade do lápis: ele sempre deixa uma marca... Da mesma maneira, saiba que tudo que você fizer na vida, irá deixar traços, e procure ser consciente de cada ação.

publicado por pensamentoslucena às 10:43

Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
21

22
28

29


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO