Pensamentos

Setembro 08 2015

tentações.jpg

 

Tentação é uma prova pela qual passa nossa parte humana em grau mais ou menos elevado. Geralmente atinge nosso lado fragilizado e carente onde, por isso mesmo, existe uma brecha. Ou seja, chega nos momentos onde estamos mais vulneráveis e é preciso estarmos atentos para não cairmos nessa armadilha que nos conduzirá ou ao sofrimento ou a perdas, às vezes irreparáveis.

Elas são diferentes para cada um segundo aquilo que seu coração dá maior ou menor importância. Assim, um copo de bebida alcoólica representa uma tentação para quem está tentando parar de beber e não representa nada para uma pessoa comum. Por isso mesmo precisamos estar vigilantes com as nossas fraquezas, pontos sensíveis onde sabemos que podemos ser levados.

Não se julgue forte demais. Você nunca esteve diante de algo que foi mais forte do que suas próprias forças e que te fizeram, por um instante, se esquecer de tudo o mais? Alguma coisa assim tão forte que por um momento você tivesse perdido toda a noção de pecado, certo ou errado... por alguns intantes você não pensou, você se deixou levar, sem medir conseqüências, sem pensar no depois. É como se no mundo todo só existisse você e seu desejo. Mas a realidade é cruel depois. A consciência acusa. Para alguns é suficiente esse sentimento de culpa para refletir e parar por aí. Mas para outros... a prática contínua de atos pecaminosos pode levar à idéia de que tudo é natural e sempre haverá uma desculpa, um meio de justificação para esse ato ou aquele.

Deus não nos acusa. O fato de cairmos em tentação uma vez ou outra não nos torna pessoas perdidas, desde de que reconheçamos nosso erro. O que Deus não aprova são essas pessoas para as quais o pecado torna-se coisa natural e que se justificam dizendo que a vida passa muito rápido e que devemos tudo experimentar.

Se você se conhece o bastante para ter consciência das suas fraquezas e não sabe se terá forças ou não para resistir, evite passar pelo caminho. Isso se chama sabedoria. Se sabemos que existe um abismo na nossa frente, vamos nos desviar, não? É assim com a vida... certos caminhos, certas escolhas, podem ser abismos dos quais dificilmente poderemos sair.

A felicidade plena é a paz de espírito, a sensação de bem estar com a vida, com o corpo, com a alma. Se estamos nesse caminho, sigamos em frente. Se não... é sempre tempo de voltar e escolher uma nova direção.

 

Letícia Thompson

publicado por pensamentoslucena às 13:03

Setembro 08 2015

imagesUQFYVILK.jpg

 

 O sofrimento é um caminho inevitável e indispensável ao nosso crescimento. Ele nos ensina a vida, a apreciá-la, ter mais prazer em senti-la e vivê-la inteiramente.

Nascemos pedra bruta, embora já cheguemos a esse mundo carregando toda uma bagagem de características que nos fazem únicos.

E as dificuldades nos lapidam. Por vezes tanto e tanto que não compreendemos. Nos olhamos no espelho e nos perguntamos "por que eu?" Olhamos as crianças que sofrem e nos dizemos "que injustiça!" Olhamos a nossa volta, vemos pessoas rindo despreocupadas e nos sentimos ainda pior, como se a felicidade dos outros pudesse aumentar nossa dor.

Mas o sofrimento é uma condição do nosso aperfeiçoamento. Olhem as flores que são podadas cada ano!!! Elas choram também. Mas... em cada galho cortado um novo broto se forma. E como as flores são mais belas, viçosas, renovadas! Elas renascem a cada vez, enquanto a base fica cada vez mais forte e sólida.

E a vida nos poda com freqüência. Umas pessoas mais que outras. Os que aceitam as dores e fazem delas escudo tornam-se grandes, grandiosos mesmo. Os que se debatem tentando evitá-las são sufocadas e morrem pequenininhos.

Grandes homens e mulheres têm geralmente atrás de si uma grande história de lutas e batalhas.

Não lamente porque a vida te trouxe sofrimentos, que sejam físicos ou emocionais. Aceite-os! E faça deles sua arma de luta. Diga-se que quando a tempestade tiver passado você vai poder olhar para o céu calmo e contar as estrelas que te olham de longe... e te admiram, com certeza!

Só percebemos o valor das coisas quando não temos mais ou quando riscamos de perdê-las. Quem nunca sentiu fome e sede realmente não sabe o valor real de um prato de comida ou de um copo de água. Esses são tesouros inestimáveis para quem carece deles.

Assim é a vida. Aprenda que os sofrimentos não vêm para te derrotar, mas para te tornar mais forte. A felicidade, você merece como todo mundo, só que através das suas provações você vai ter uma visão diferente do que ela representa.

Abençoadas sejam as dores se, nos tornando humildes, nos engrandecem!

Abençoada seja a vida que, nos lapidando, faz de nós uma jóia inigualável e sem preço.

 

Letícia Thompson

publicado por pensamentoslucena às 10:20

Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Setembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
19

20
26

27


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO