Pensamentos

Setembro 25 2015

Olhando-para-o-céu.jpg

 

Jamais se arrependerás de ter refreado a língua, quando teve.
Vontade de dizer o que não convinha ou o que não era verdade.
De ter formado o melhor conceito sobre o proceder dos outros.
De não ter julgado com severidade os atos alheios, ignorando.
A real motivação de cada ser.

Jamais se arrependerás de ter perdoado aqueles que te magoaram.
De ter cumprido pontualmente suas promessas bem pensadas.
De ser fiel aos compromissos.

Jamais se arrependerás de ter suportado com paciência as faltas alheias.
De ter ignorado as mentiras e as maledicências que te chegaram aos ouvidos.
De ter dirigido palavras bondosas.
De ter realizado algo de efetivo e bom em prol de alguém.

Jamais se arrependerás de ter pedido perdão pelas faltas cometidas.
De ter reparado o mal que causou.
De ter pensado antes de falar.
De ter honrado a teus pais, agindo com gratidão por todo o bem que deles recebestes.
De ter sido cortês e honesto em tudo e com todos.

Jamais se arrependerás de ter ensinado algo de bom e de verdadeiro a uma criança.
De ter sido capaz de cativar um coração e de ter feito uma amizade verdadeira.
De ter oferecido pão a um faminto e consolo a um aflito;
De desviar do caminho errado e seguir pelo caminho correto, por mais árduo que essa possa ser.
Podes escolher os caminhos que vais seguir no curso de sua Vida.
Pode optar quais posturas que assumirás diante das mais variadas circunstâncias da vida.
Você é o senhor de seus passos e o dono de seu futuro.
Não compete a mais ninguém as escolhas que afetarão a tua história.
Por mais que os terceiros possam atingi-lo, somente os seus próprios atos, suas reações é que definirão os rumos do teu destino.
Antes de agires, reflita com ponderação e sabedoria.
O arrependimento nas decisões equivocadas, tomadas sob a influência do egoísmo e da ira o fará sofrer.
Fazer o bem sempre é motivo de satisfação e alegria.
Para o homem de bem não interessa o reconhecimento pelo seu ato, nem gratidões e honrarias.
A consciência tranqüila e a certeza de que se fez o melhor e o possível, é o suficiente para apaziguar o coração.
Siga sempre pelo caminho do bem, e jamais se arrependerás dessa escolha.
Controle-se e procure escutar o que seu coração tem para lhe contar e investigue suas razões.
Compartilhe seus desejos com a pessoa amada, quem sabe ele (a) também não tenha algo para compartilhar contigo.
Utilize seus talentos, use a iniciativa e dê início aos seus projetos com amor, coragem e dedicação.
Esse será o segredo do seu sucesso.
E quando amar...
Não encontre justificativas para fugir dele.
Lembre-se que às vezes ele está nos lugares menos prováveis e onde menos esperamos.

Jamais se arrependerás.
De ter tido calma e paciência, pois se esse amor ainda não chegou, uma hora ele chegará até você.

publicado por pensamentoslucena às 12:22

Setembro 25 2015

Despedida.jpg

 

É tempo de reflexão...
Que tal parar diante do mar e simplesmente observar?
Ver as ondas no eterno vai e vem, ora com força,
ora suavemente, como uma marola do rio.
Assim é a nossa vida, uma mudança constante,
o que é, amanhã já não será mais,
e o que foi, pode retornar para ser mais uma vez,
com uma nova forma, com uma nova força.

Por isso, não se desgaste com os problemas,
o que parece impossível nesse momento,
poderá ser resolvido ainda hoje, sem a sua participação,
como o vento que sopra sem você pensar,
como as ondas que se quebram sem cessar...

O velho amor pode renascer,
mas um novo pode estar a caminho,
chegando na praia com tanta força
que não deixará dúvidas, não haverá hesitação,
será amor sim, não paixão...


Uma nova oportunidade de trabalho,
uma chance para crescer, como essa conchinha,
que chega aos seus pés sem  você pedir,
sem sequer imaginar...

Ainda hoje, a tempestade no alto mar da sua vida,
poderá passar, e a bonança, e a suavidade das ondas,
vão permitir que o seu barco navegue tranqüilo,
rumo ao infinito porto que tanto buscamos,
um porto tão antigo que não tem idade,
o velho e sempre novo,
Porto da Felicidade.
publicado por pensamentoslucena às 10:14

Setembro 24 2015

images.jpg

 

Um executivo de férias na praia observava um pescador sobre uma pedra fisgando alguns peixes com equipamentos bastante rudimentares: linha de mão, anzol simples, chumbo e iscas naturais.
O executivo chega perto e diz:
- Bom dia, meu amigo, posso me sentar e observar?
O pescador:
- Tudo bem, doutor.
O executivo:
- Poderia lhe dar uma sugestão sobre a pesca?
- Como assim? - Respondeu o pescador.
- Se você me permite, eu não sou pescador, mas sou executivo de uma multinacional muito famosa e meu trabalho é melhorar a eficiência da fábrica, otimizando recursos, reduzindo preços, enfim, melhorando a qualidade dos nossos produtos.

Sou um expert nessa área e fiz vários cursos no exterior sobre isto - disse o executivo, entusiasmado com sua profissão.
- Pois não, doutor, o que o senhor quer sugerir? - Perguntou calmamente o pescador.
- Olha, estive observando o que você faz. Você poderia ganhar dinheiro com isso. Vamos pensar juntos. Se você pudesse comprar uma vara de pescar com molinete, poderia arremessar sua isca para mais longe, assim pescaria peixes maiores, certo? Depois disso, você poderia treinar seu filho para fazer este trabalho para você. Quando ele se sentisse preparado, você poderia comprar um barco motorizado com uma boa rede para pescar uma quantidade maior e ainda vender para as cooperativas existentes nos grandes centros.

Depois, você poderia comprar um caminhão para transportar os peixes diretamente, sem os intermediários, reduzindo sensivelmente o preço para o usuário final e aumentando também a sua margem de lucro.

Além disso, você poderia ir para um grande centro para distribuir melhor o seu produto para os grandes supermercados e peixarias. Já pensou no dinheiro que poderia ganhar? Aí você poderia vir para cá como eu vim, descansar e curtir essa paz, este silêncio da praia, esta brisa gostosa...
- Mas isso eu já tenho hoje!
- Respondeu o pescador, olhando fixamente para o mar.

publicado por pensamentoslucena às 12:53

Setembro 24 2015

a-arte-de-no-adoecer-leonardo-pereira-16-638.jpg

 

Não vemos as coisas como elas são!
Vemos as coisas como nós somos!
O que significaria isso?
Se o ser humano possuir uma alma bondosa e livre, conseguira enxergar o mundo como ele é com suas virtudes e defeitos, pois o mundo não é só maravilhas!
Mas se o ser humano pendente não possuir uma alma boa e acima de tudo livre...
Só ira conseguir enxergar o lado negativo do homem e do mundo e se esquecera de viver!
E não existe nada mais cruel e desumano do que o lado negativo do ser humano.
Um lado ganancioso e cruel do qual não sente piedade de ninguém!
Só quer saber dele mesmo e ficar rico até não poder mais, até a cobiça e a ganância o levarem para um fim trágico em sua vida.
E é por causa desse lado negativo que o mal do mundo ainda perdura!
Com a vida aprendemos a amar, conhecemos os sentimentos, e emoções!
Ninguém tem o direito de tirar isso tudo de uma pessoa...
Mas tira! Por isso nos olhos das pessoas só se enxerga medo e insegurança, estampados nos olhos de cada um, com medo de perder tudo isso!
Tudo isso porque?
Por que vivemos em um mundo de tolos que nos derrubam quando estamos em paz, fazendo em nossas vidas, momentos bons se transformarem em momentos horríveis!
Diante disso nós temos duas opções:
Jogue tudo pro alto e se esqueça de viver...
Ou ame e aprenda a amar cada dia mais!
Quando cada um decidir amar, e dar as mãos quem sabe o mundo melhorará?
Mas nunca é tarde para começar de novo, e nunca é tarde para amar!

publicado por pensamentoslucena às 11:32

Setembro 24 2015

palavra-vida-decoupage.jpg

 

  

Como é estranha a nossa pequena procissão da vida!

A criança diz: "Quando me tornar moço."

O moço diz:"Quando me formar."

Uma vez formado,diz:"Quando me casar."

Após o casamento, e na plena luta pela vida o pensamento muda:
 "Quando me aposentar."

E então, o aposentado olha para trás e contempla o panorama percorrido.
 Um vento glacial sopra em toda a parte. 
O homem se dá conta de que ele nada aproveitou, e agora está tudo acabado.
 A vida, aprendemos tarde demais, não consiste em esperar pelo futuro, mas em viver plenamente, cada dia e cada hora o  presente.

Então eu pergunto:

Quanto tempo você viveu?

Pense nisso e aproveite bem o seu dia.

publicado por pensamentoslucena às 10:11

Setembro 23 2015

8-passos-rotina-eficiente_jpg.jpg

 

O cérebro humano mede o tempo por meio da observação dos movimentos.

Se alguém colocar você dentro de uma sala branca vazia, sem nenhuma mobília, sem portas ou janelas, sem relógio... você começará a perder a noção do tempo.

Por alguns dias, sua mente detectará a passagem do tempo sentindo as reações internas do seu corpo, incluindo os batimentos cardíacos, ciclos de sono, fome, sede e pressão sanguínea.

Isso acontece porque nossa noção de passagem do tempo deriva do movimento dos objetos, pessoas, sinais naturais e da repetição de eventos cíclicos, como o nascer e o pôr do sol.

Compreendido este ponto, há outra coisa que você tem que considerar:

Nosso cérebro é extremamente otimizado.

Ele evita fazer duas vezes o mesmo trabalho.

Um adulto médio tem entre 40 e 60 mil pensamentos por dia.

Qualquer um de nós ficaria louco se o cérebro tivesse que processar conscientemente tal quantidade.

Por isso, a maior parte destes pensamentos é automatizada e não aparece no índice de eventos do dia e portanto, quando você vive uma experiência pela primeira vez, ele dedica muitos recursos para compreender o que está acontecendo.

É quando você se sente mais vivo.


Conforme a mesma experiência vai se repetindo, ele vai simplesmente colocando suas reações no modo automático e 'apagando' as experiências duplicadas.
Quando você começa a repetir algo exatamente igual, a mente apaga a experiência repetida.

Conforme envelhecemos, as coisas começam a se repetir -as mesmas ruas, pessoas, problemas, desafios, programas de televisão, reclamações... enfim... as experiências novas (aquelas que fazem a mente parar e pensar de verdade, fazendo com que seu dia pareça ter sido longo e cheio de novidades), vão diminuindo.

Até que tanta coisa se repete que fica difícil dizer o que tivemos de novidade na semana, no ano ou, para algumas pessoas, na década.

Em outras palavras, o que faz o tempo parecer que acelera é a...

ROTINA

 

Por Airton Luiz Mendonça

publicado por pensamentoslucena às 12:55

Setembro 23 2015

imagesLPUMNFLT.jpg

 

A grande maioria de nós inicia relações, sejam de parceria profissional, amizade, namoro ou sob qualquer outro nome, desejando que a base delas seja – entre outros predicados – a sinceridade!

Aliás, um dos adjetivos que mais valorizamos numa pessoa é justamente a sua capacidade de dizer a verdade!

No entanto, haveremos de descobrir, ao longo de inúmeras experiências que vivermos, que a mente mente! 

Projetamos em alguém ou numa situação aquilo que gostaríamos de viver e sentir, e julgamos – ingênua e equivocadamente – que nosso desejo se tornou real e a vida nos presenteou com a chance de, finalmente, sermos felizes.

É a armadilha da idealização: passamos a viver uma história “ideal”, criada e alimentada por aqueles sentimentos e sensações, do jeito que sempre desejamos que ela fosse; e embebedados por nós mesmos, nos recusamos a enxergar a história como ela realmente é.

Nossa mente passa a perceber, sentir e concluir não a partir do que está acontecendo de verdade, mas a partir de uma projeção deste ideal, ou seja, de uma ilusão...

Se a situação vivida lhe parecer “a cura que caiu do céu”, que vai lhe salvar de todas as suas angústias, questione-se: será que você não está fugindo de si mesmo?

Será que não está evitando ter de enfrentar suas dores, preferindo um atalho que parece lhe conduzir a uma “felicidade” bem mais rápida?

Talvez você descubra que o que poderia ter se configurado como uma grande enganação é, na verdade, a oportunidade de aprender algo muito precioso.

Mas se, infelizmente, descobrir que é tarde demais e que você realmente se deixou enganar, corra atrás do prejuízo, encha-se de coragem para abandonar o lugar de vítima e tornar-se dono de sua própria história...

publicado por pensamentoslucena às 12:01

Setembro 23 2015

imagesMT46YVUJ.jpg

 

Todos nós queremos ser felizes, mas sem sentir buscamos essa felicidade fora de nós mesmos!
Muitos pensam encontrá-la no Amor, porém o egoísmo ou medo de sofrer não os deixa
amar de verdade! Outros no reconhecimento, mas a má vontade é incompatível com a evolução! Há os que buscam essa felicidade em bens materiais, falsa prosperidade, confundindo ambição com ganância!
Não podemos também confundir Felicidade com Alegria que é importante e está mais próxima das comemorações! Podemos estar muito alegres num determinado instante comemorando uma vitória e, bem no fundo da Alma, estarmos em conflito conosco e com o Mundo, devido a problemas reais ou não!
Felicidade é Paz interior! Essa Paz tem que ser conquistada aos poucos e sempre: cultivando o Amor ao Próximo, tendo a consciência sempre tranqüila de que fazemos o melhor, perdoando-nos pelos erros cometidos, agradecendo o que se tem, respeitando o direito e a individualidade de cada ser humano, procurando fazer o outro feliz, confiando em Deus!
Quem vive a fim de prejudicar ou magoar alguém, seja com atos ou palavras, não pode reclamar que a "sorte" não lhe sorri!
Por que tantos comemoram a tristeza de uns e se entristecem com a vitória de outros? Não é bem mais fácil cada um cuidar de sua própria vida, buscando essa Felicidade dentro de si mesmos?
CADA UM DE NÓS TEM POTENCIAL PARA CHEGAR ONDE QUISER!

publicado por pensamentoslucena às 10:17

Setembro 22 2015

imagesTCKNLUWA.jpg

 

 Destino significa "direção", "caminho" e não "estrada fixa e reta que temos que simplesmente seguir, sendo assim, sorte ou azar é conseqüência de nossos atos, pensamentos e ações. Colhemos sempre o que
plantamos e, julgar que algo ou alguém está influenciando sua vida é transferir a responsabilidade para outros.

Por sermos "seres individuais e únicos", atraímos para nós pessoas que se afinam com o nosso pensamento naquele determinado momento de nossas vidas, atraímos fatos que estão firmemente enraizados em nosso pensamento. Somos retratos do que pensamos, por isso o pensamento é uma arma de dois gumes, ao pensarmos começamos a materializar o desejo de que algo se realize, e quantas vezes ao dia pensamos em coisas ruins? Seja no trabalho, onde as vezes reclamamos do ambiente, do chefe, do salário, dos companheiros, e nem paramos para pensar que somos parte integrante e ativa do "local" e que contaminamos o "ar" com nossos pensamentos que se juntam a outros como nós que vão carregando a atmosfera de energias negativas.

Assim, também o é nos relacionamentos, onde atraímos para nós pessoas que espelham o nosso momento, se pessoas "mal humoradas", e "doentes da alma" estão ao nosso redor é a nossa sintonia que assim atrai.

 Vigie seus pensamentos, cuide de que seu dia não seja contaminado pela atmosfera cinza dos alarmistas de plantão, gente que só fala que o mundo está pior, que a violência só aumenta, que vamos morrer todos nos cruzamentos, que você precisa comprar um pára-raios para o seu carro para se proteger dos seqüestros relâmpagos que agora viraram moda no País. Pense na sua força de modificar o mundo, o seu mundo, pois não adianta querer consertar o mundo inteiro, pois o mundo inteiro é feito de individualidades, e ninguém, presta atenção a esse fato, "ninguém muda ninguém, mude a você e seus pensamentos, que seus atos serão melhores, a sua vida será melhor e, servirá de espelho para outras pessoas que aprenderão com você a sorrir e vigiar os pensamentos.

 Aprenda a construir um mundo melhor para você e os seus, sorria mais, reclame menos, construa mais pensando e agindo positivamente".

publicado por pensamentoslucena às 13:04

Setembro 22 2015

480761_288010554611890_209334765812803_636836_5519

 



Tudo aquilo que tem inicio em ira, termina em vergonha. Benjamin Franklin


A prática da vida tem comprovado que uma atitude tomada sob o calor da ira é ineficiente e pode ser a causa de seríssimos problemas. Tudo aquilo que é feito sob o impacto da ira tem a tendência de provocar reações que nada mais produzem a não ser a intensificação de discórdias e aflições. Quando você se permite ser tomado pela ira, imediatamente você se coloca numa posição de desvantagem.

A melhor coisa a fazer, quando invadido pela ira, é esperar. Conte até dez. Conte até cem. Pense sobre as conseqüências de qualquer atitude que venha ser tomada sob o impacto desta emoção. Certamente a ira pode provocar energia, mas quase sempre é uma energia inconseqüente e descontrolada, que atinge tudo que estiver em sua proximidade, inclusive você.

Agir sob o efeito da ira poderá lhe ferir tanto quanto àquela pessoa. Contudo, seja o que for que tenha dado origem à sua ira, existe algo positivo que você pode fazer. Imediatamente submeta a sua ira a Deus, que conhece como ninguém este sentimento. A ira traz alguns elementos saudáveis, portanto, deixe a sua ira esfriar e você terá as condições favoráveis para uma rota positiva. Seja inteligente, esfrie, e retire o melhor desse momento.

publicado por pensamentoslucena às 11:52

Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Setembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
19

20
26

27


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO