Pensamentos

Outubro 21 2015

1897022_763225573748920_5562864673899967533_n.jpg

 

Quantas e quantas vezes a melhor solução é sair do lugar, da posição que se ocupa, e ir ao encontro dos outros.

Se não nos amam, vamos procurar amar e muita coisa vai mudar. Não esperar que sempre venham atrás da gente, que nos tratem bem.

Não se deixe enferrujar pela vida! Renove seu espírito! Redescubra novos ideais! Alimente outros objetivos!

E a sua vida não se estagnará, mas terá nova dinâmica. Depende muito de você!

O fim de uma pessoa começa quando ela pensa que já chegou onde queria, que já realizou o que desejava, que já esgotou seus sonhos.

Quando não se aspira a mais nada, quando não se tem mais nenhum objetivo a alcançar ou algo a fazer, a vida realmente torna-se um peso, envolve-se de tédio e vai acabando com a pessoa em pouco tempo.

É lamentável chegar ao fim da vida sem sequer saber por que se viveu.

Não tenha medo da vida, tenha medo de não vivê-la. Não há céu sem tempestades, nem caminhos sem acidentes.

Só é digno do pódio quem usa as derrotas para alcançá-lo. Só é digno da sabedoria quem usa as lágrimas para irrigá-la. Os frágeis usam a força; os fortes, a inteligência.

Seja um sonhador, mas una seus sonhos com disciplina, Pois sonhos sem disciplina produzem pessoas frustradas.

Seja um debatedor de idéias.
Lute pelo que você ama.

publicado por pensamentoslucena às 11:59

Outubro 21 2015

Posthorn5.jpg

 

Um homem chegou numa aldeia com uma corneta misteriosa, de onde pendiam panos vermelhos e amarelos, contas de cristal e ossos de animais.
- Esta é uma corneta que afasta tigres – disse o homem.

A partir de hoje, por uma modesta quantia diária, eu a tocarei todos as manhãs, e vocês nunca serão devorados por estes terríveis animais. Os habitantes da aldeia, aterrorizados com a ameaça de ataque de um animal selvagem, concordaram em pagar o que o recém-chegado pediu.

Assim se passaram muitos anos, o dono da corneta ficou rico, e construiu um belo castelo para si mesmo. Certa manhã, um rapaz que passava pelo local, perguntou a quem pertencia aquele castelo.

Ao saber da história, resolveu ir até lá conversar com o homem. - Ouvi dizer que o senhor tem uma corneta que afasta tigres – disse o rapaz. Acontece, porém, que não existem tigres em nosso país.

Na mesma hora, o homem convocou todos os habitantes da aldeia, e pediu ao rapaz que repetisse o que dissera.

- Vocês escutaram bem o que ele disse? - gritou o homem, assim que o rapaz terminou.
– Esta é a prova irrefutável do poder da minha corneta!

publicado por pensamentoslucena às 11:06

Outubro 21 2015

estrategia-590x389.jpg

 

Os bons guerreiros de antigamente primeiro se colocaram fora da possibilidade de derrota e depois esperaram a oportunidade de derrotar o inimigo. A garantia de você não ser derrotado está em suas mãos, já a oportunidade de derrotar o inimigo é fornecida por ele mesmo.

Vem daí o ditado: pode-se saber como conquistar sem ter a capacidade de fazê-lo. A garantia contra a derrota implica táticas defensivas; a capacidade de derrotar o inimigo significa tomar a ofensiva. Manter-se na defensiva indica força insuficiente; atacar, uma superabundância de força.

O general hábil na defesa esconde-se nos recessos mais secretos da terra; o hábil em atacar o faz como um relâmpago, das maiores alturas do céu. De um lado temos a capacidade de nos proteger; do outro, de obter uma vitória completa.

Ver a vitória apenas quando ela está ao alcance da vista da ralé não é o máximo da superioridade. O verdadeiro mérito é planejar secretamente, deslocar-se como réptil, frustrar as intenções do inimigo e impedir seus planos.

Afinal, erguer um fio de cabelo grisalho não é sinal de grande força; ver o sol e a lua não é sinal de olhar acurado; ouvir o ruído do trovão não é sinal de ouvido apurado. O guerreiro vence os combates não cometendo erros. Não cometer erros é o que dá a certeza da vitória, pois significa conquistar um inimigo já derrotado

publicado por pensamentoslucena às 09:20

Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Outubro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
17

18
24

25
31


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO