Pensamentos

Outubro 22 2014

untitled.png

 

Conta-se que um sábio, querendo mostrar a um rei os perigos das meias verdades, pediu que colocassem o elefante diante de seis cegos e disse-lhes:

-Há um objeto diante de vocês. Toquem nele e depois digam o que é.

Claro, nenhum dos seis homens tinha visto um elefante, portanto não sabiam o que era. O primeiro aproximou-se, tocou numa parte do animal e disse:

-Parece um muro.

O segundo homem tocou em outra parte e disse:

-É uma lança.

-Disparate!-exclamou o terceiro cego.

-Acho que é mais parecido com uma cobra.

-Bem-disse o quarto homem, ao apalpar o animal, parece uma árvore.

Os outros riram dele, e quinto homem deu a sua opinião. Pegando em outra parte, disse:

-Com certeza é um leque.

Finalmente, o sexto cego, por sua vez, tocou no elefante e disse:

-Parece-me a mim que é uma corda.

-Tantas opiniões diferentes-disse o rei.

-Que grande confusão.

-Mas não é, explicou o sábio.

Pois o elefante, tem, na verdade, flancos como muros, dois grandes dentes como lanças, uma tromba que parece uma cobra, pernas como pequenas árvores, as suas orelhas são como dois leques e o rabo parece uma corda.

Juntando tudo isso, temos uma descrição, quase perfeita, de um elefante! Afinal, os seis homens cegos viram o elefante, isto é, viram-no não pelos olhos, mas sim pelo tato.

E cada um não mentiu.

O que eles fizeram foram contar um pedaço da verdade.

E isso, mesmo sendo a realidade, pode até parecer uma mentira.

publicado por pensamentoslucena às 12:13

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Outubro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
18

19
25

26
27


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO