Pensamentos

Fevereiro 05 2014

 

O medo, nas suas inúmeras manifestações, mantém o amor à margem da vida e produz comportamentos opostos à natureza amorosa que de cada um.

É o medo que alimenta a necessidade de criar uma falsa auto-imagem, dando origem ao orgulho, à vaidade, ao ressentimento, e a tantas outras manifestações do ego.

Medo de não ser bom o bastante, de não ter valor, de não ser aceito, reconhecido, aprovado. O medo de não ser amado pode transformar a vida em uma prisão...

 

Por: Jael Coaracy

publicado por pensamentoslucena às 09:42

Pensamentos, reflexões e otimismo para seu dia!!!
mais sobre mim
Junho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

Medo o Oposto do Amor

links
pesquisar
 
blogs SAPO